Santidade ao Senhor, Esforço ou Entrega?

Santidade ao Senhor, Esforço ou Entrega?

Também farás uma lâmina de ouro puro, e nela gravarás como as gravuras de selos: SANTIDADE AO SENHOR.
E atá-la-ás com um cordão de azul, de modo que esteja na mitra, na frente da mitra estará;
E estará sobre a testa de Arão, para que Arão leve a iniquidade das coisas santas, que os filhos de Israel santificarem em todas as ofertas de suas coisas santas; e estará continuamente na sua testa, para que tenham aceitação perante o Senhor. (Êxodo 28:36-38)

A dez anos de luto com esse tema. Sempre desejei trabalhar um ano inteiro sob essa “mitra”, mas não tinha coragem suficiente, até que chegamos no final de 2015 e o Senhor me disse:

Esse será o tema para 2016; Santidade ao Senhor.

Então que o Espirito Santo nos ajude a vivermos como é digno de Yeshua, em cuja vida estava a completa pureza.

Santidade significa estarmos consagrados a algo ou a alguém. Santidade ao Senhor é estarmos consagrados completamente ao Senhor. Quanto mais nos separamos da corrupção do mundo e quanto mais nos aproximamos de Deus, mais santificados vamos ficando. Por isso Ele não diz a Abrão:

Seja perfeito e depois venha andar na minha presença.

Ele diz:

Anda na minha presença e sê perfeito.

A presença de Deus nos santifica de modo que a santidade é muito mais uma questão de entrega deo que de sacrifício. Tem muito mais a ver com render-se do que esforçar-se, de modo que não pode haver orgulho na santificação já que o máximo que conseguimos fazer é nos decidirmos e termos uma disposição mental, mas o resultado alcançado sempre foi e sempre será fruto de uma ação do Espírito de Deus em um coração sincero e rendido a Ele.

Deus jamais nos pediria algo que não pudéssemos alcançar. Quando Ele diz sede santos como Eu sou Santo, Ele está dizendo:

Sim, vocês podem!

Errar é humano, mas acertar, ser integro, ser honesto, ser decente e fazer o bem é muito mais humano. Como disse Mandela:

Ninguém nasce odiando, as pessoas aprendem a odiar, e se podem aprender a odiar também podem aprender ainda mais facilmente a amar!

Creio que é da natureza humana mais o bem do que o mal. Eu tenho muita esperança na humanidade porque sei que originalmente nossa natureza não veio nem do acaso, nem dos animais e muito menos dos demônios.

Nossa natureza é reflexo originalmente de Deus.

 Ainda que essa “imagodei/imagem” está, no dizer de Martinho Lutero corrompida/depravada pelo pecado.

Logicamente quando ele sua a expressão: Depravação Total. Não significa que o homem ficou totalmente corrompido e perdeu toda a imagem de Deus que havia sobrado nem uma centelha divina nele, mas que o homem ficou corrompido em todas as áreas; mas a imagem divina permanece em todo e qualquer ser humano, ainda que manchada pelo poder corrosivo do pecado.

Arão, o Cohen/Sacerdote deveria ter na testa uma lâmina de ouro sob a mitra/turbante onde estaria escrito Santidade ao Senhor para que fosse aceito.

Observe que quando ele entrava com as ofertas do povo com pedido de perdão, só seria aceito com essa evidência de reconhecimento de que somos pecadores e estamos diante do Único Deus/HaShem Santo. Assim o requisito pra servir a Deus não é talento, mas santidade.

Se eu quero me aproximar de Deus, preciso reconhecer meus pecados e respeitar a santidade dEle. Isso vai santificando minha consciência das obras mortas para servir ao Deus vivo e verdadeiro, de modo que sem santificação, ninguém verá a Deus.

Quando Cohen Gadol/Sumo Sacerdote se aproximava de Deus, estava diante dele (na testa) o reconhecimento de que sabia que Aquele diante quem estava era separado de tudo por sua suprema santidade. Quando ele saia da presença daquele que habita entre os querubins, e se apresentava ao povo, também estava em sua testa a expressão de temor: Santidade ao Senhor. Como dizendo a todos: Adonay/O Senhor deve ser temido e profundamente respeitado.

Hoje não temos uma mitra na cabeça nem uma lâmina de ouro sob ela, mas ao nos enchermos do Espírito Santo e convivermos profundamente com a Palavra de Deus e na comunhão com os demais cristãos, algo vai acontecendo em nosso caráter, em nossa integridade, em nosso proceder de tal maneira que fica tão evidente como se estivesse em nossa testa, em nosso semblante escrito com letras garrafais:

Santidade ao Senhor.

Então nesse novo tempo que o Senhor lhe concede, deixe-se envolver pela graça, bondade e amor que vem pela comunhão com Ele no lugar secreto, pela leitura de Sua Palavra, pela oração, pela comunhão com os que andam na luz, como Ele na luz está e pela consagração total ao Senhor Jesus Cristo.

Shalom, nEle, em quem andamos à luz do Rosto e refletimos cada dia mais a glória do Deus Santo e invisível por Sua infinita graça.

Arcélio Luis
Siga-me

Arcélio Luis

Ministro do evangelho, formado teologicamente pelo Instituto Betel Brasileiro e casado com Márcia Daniela.

Conferencista e professor de teologia, tendo já ensinado no Stenf e outros seminários. Atualmente é servo do Ministério Colheita Internacional em Teresópolis/RJ, onde reside, cobrindo espiritualmente esse e outros ministérios.

Tem tido oportunidade de estar em diversos países, entre eles:

Ucrânia (parte da antiga União Soviética), Hungria, Áustria, Argentina, Colômbia, Egito, Israel, Alemanha, Suíça, Canadá, Coréia do Sul e outros.
Arcélio Luis
Siga-me

Últimos posts por Arcélio Luis (exibir todos)

About the author: Arcélio Luis

Leave a Reply

Your email address will not be published.